Coleção Petit Poa – Lilia Agri

charme

vestido branco c poa preto2

 

vestido poa prto c poa bco2

“Os looks retrô estão com tudo e as estampas de bolinhas conferem automaticamente um visual com referência nos anos 50. Petit-pois, poá, ou polka dots são alguns dos nomes atribuídos à charmosa estampa que é um clássico do guarda roupa feminino.

Os looks de bolinhas podem ser usados em várias ocasiões, de looks mais casuais até vestidos de festa em produções elegantes e femininas.

O print de bolas ressalta a feminilidade e surge em modelagens ajustadas ou trazendo um perfume dos anos 60 em vestidos tubinhos.” (fonte do site: fashionbubbles.com)

Dicas da Estilista LiliaAgri:

….atenção ao escolher os Tecidos:

Escolha tecidos leves para os dias quentes como: Viscose, Chifon, Crepe e Cetim de Seda por exemplo……e atenção aos detalhes da modesta: comprimento ate o joelho, mangas, e transparência na medida correta

Outras inspirações…..

.

Vestido de Bolinhas insp2

poa rosa

(fotos de inspirações tiradas da net)

Santa Gianna Beretta Molla

SANTA

 

 

gianna marriage

 


(1922-1962)

“Teremos que submetê-la a uma intervenção cirúrgica, ou do contrário sua vida está em risco mortal”. Talvez estas tenham sido as palavras do médico que atendeu a Gianna Beretta, uma italiana, que estando doentes de câncer, decidiu continuar adiante com a gravidez de seu quarto filho antes de submeter-se a uma operação que poderia tê-la salvo, às custas da vida do bebê não nascido.

Transcorridos 31 anos, o Papa João Paulo II beatificou no dia 24 de abril de 1994 a Gianna, convertendo-a em um símbolo da defesa da vida.

Quem foi?

Gianna foi a sétima de trezes filhos, de uma família de classe média de Lombardia (norte da Itália), estudou medicina e se especializou em pediatria, profissão que atuou junto com sua tarefa de mãe de família.

Quem a conhecia diz que foi uma mulher ativa e cheia de energia, que conduzia seu próprio carro algo pouco comum nesses tempos, tocava piano e desfrutava indo com seu esposo aos concertos no conservatório de Milão.

O marido de Gianna, o engenheiro Pietro Molla, recordou há alguns anos a sua esposa como uma pessoa completamente normal, mas com uma indiscutível confiança na Providência.

Segundo o engenheiro Molla, o último gesto heróico de Gianna foi uma conseqüência coerente de uma vida gasta dia a dia na busca do cumprimento do Plano de Deus. “Quando se deu conta da terrível conseqüência de sua gestação e o crescimento de um fibroma lembra os esposo de Gianna sua primeira reação, racional, foi pedir que se salvasse a criança que tinha em seu ventre”.

Sua oblação

O engenheiro Molla manifestou que “tinham-na aconselhado uma intervenção cirúrgica…isto teria lhe salvado a vida com toda segurança. O aborto terapêutico e a extirpação do fibroma, teria permitido que mais adiante tivesse outros filhos”. “Gianna escolheu a solução que era mais arriscada para ela”.

O velho viúvo da beata afirmou que naquela época era previsível um parto depois de uma operação que extirparia somente o fibroma, mas isso seria muito perigoso para a mãe, “e isto minha esposa como médica sabia muito bem”.

Gianna faleceu em 28 de abril de 1962, com 39 anos de idade, uma semana depois de ter dado à luz. O último requisito cumpriu-se em 21 anos de dezembro, quando o Papa aprovou um milagre atribuído à intercessão de Gianna.

O milagre

A protagonista do milagre, ocorrido em 9 de novembro de 1977 em um hospital brasileiro, foi uma jovem parturiente que se curou de septicemia infecção generalizada o organismo. As religiosas do hospital tinham passado a noite encomendando sua cura à intercessão de Gianna, cuja figura era-lhes conhecida porque o promotor do hospital era um irmão da beata, médico e missionário capuchino no país. O Papa aprovou o decreto que reconhecia suas virtudes heróicas e a beatificou. VEJA MAIS

 

GLORIAS DE MARIA – SANTO AFONSO MARIA DE LIGORIO

***OBS: O Blog LiliaAgri não têm nenhum vinculo financeiro ou comissionado com a Editora citada, Essas são simplesmente indicações de leitura da Editora e do site da mesma que o reproduz, podendo ser retirado a qualquer instante por ordem da mesma.

glorias  EDITORA SANTUÁRIO

Sobre o livro:

“Santo Afonso levou quase 15 anos para escrever este livro de orações. É um livro de piedade, baseado numa sólida teologia. Nele encontram-se um comentário sobre a Salve Rainha e também reflexões sobre as principais festas de Maria, suas dores, suas virtudes e também sobre as principais práticas de devoções para com ela.” Editora Santuário.(https://liliagri.wordpress.com/wp-admin/post-new.php)

…Alguns livros estão disponíveis na internet, em que podemos baixar e ler gratuitamente;  porem, outros nem sempre – pois entendemos como toda produção exige um custo de matéria-prima, mão-de-obra, produção e edição que logo, respeitamos e indicamos o devido SITE/ EDITORA para que possam ser adquiridos devidamente. Assim,  Glórias de Maria é da editora Santuário – e para maiores informações, preço, frete, forma de pagamento acessem os devidos sites

http://editorasantuario.com.br/produtos/detalhe/581/glorias_de_maria

http://www.paulinas.org.br/cuiaba/

e em CUIABÁ

Rua Joaquim Murtinho, 329 – CEP 78005-290 – Centro Norte – Cuiabá – MT
Tel. (65) 3622-0708
Email: livcuiaba@paulinas.com.br
Horário de funcionamento:
Segunda à Sexta: das 8:30 às 18:00
Sábado: das 8:30 às 12:30

TRATADO DA VERDADEIRA DEVOÇÃO À SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA

TRATADO DA VERDADEIRA DEVOÇÃO À SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA

São Luís Maria Grignion de Montfort

Click AQUI

 

(Textos e imagens retirados do site: http://blog.cancaonova.com/tododemaria/tratado/)

O “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem” é uma obra de São Luís Maria Grignion de Montfort (☆1673 – ✝1716), escrita por ele pouco antes de sua morte. O livro nos fala da devoção a Nossa Senhora e da necessidade da consagração a Ela. Além disso, o Tratado nos dá um método simples e eficaz de consagração, de nos entregar inteiramente a Maria.

O manuscrito do Tratado ficou perdido durante 130 anos, de 1712 a 1842, quando foi encontrado em uma caixa por um padre da congregação fundada por Montfort. Isto foi predito pelo Santo em seu Escrito: “Prevejo que muitos animais frementes virão em fúria para rasgar com seus dentes diabólicos este pequeno escrito […] Ou pelo menos procurarão envolver este livrinho nas trevas e no silêncio duma arca, a fim de que não apareça” (TVD 114).

A finalidade deste livro, segundo São Luís Maria, é mostrar como Maria Santíssima ainda é desconhecida, o que é uma das razões de Jesus Cristo não ser conhecido como deve ser. O Tratado nos leva ao conhecimento do Reino da Virgem Maria e ao conhecimento do Reino de Cristo. São Luís também diz que Jesus veio ao mundo por Maria e por Ela deve voltar no fim dos tempos: “Ela deu Jesus Cristo ao mundo a primeira vez, a há de fazê-lo resplandecer também na segunda vez” (TVD 13).

A consagração a Jesus pelas mãos da Virgem Maria.

A consagração a Jesus pos Maria

A consagração ou escravidão de amor a Jesus por Maria é uma devoção muito antiga, que remonta os primeiros séculos da Igreja. Com o passar do tempo, a consagração passou a ganhar novos elementos, como a criação de fórmulas e orações a Santíssima Virgem. Grandes santos, como Santo Agostinho, São Domingos, Santo Afonso Maria de Ligório, escreveram sobre Nossa Senhora e sua importância para a Igreja e para a vida dos cristãos. Esta evolução da devoção a Maria ganhou, com São Luís Maria Grignion de Montfort, um método de consagração.  leia MAIS

 

 

….Aulas sobre o Tratado

 

ASSISTAM AS AULAS DO PADRE PAULO OU ACESSEM O SITE…

 

 http://consagrate.com/2011/10/aulas-sobre-o-tratado/  OU LINK

Editora Ecclesiae

Livrarias

Livrarias onde você pode encontrar os livros da Editora Ecclesiae:

fonte: imagens e textos retirados do site :www.ecclesiae.com.br

Logo_Ecclesiae

livros

Editora Ecclesiae promove a publicação de livros religiosos Católicos. Procuramos promover novos autores e colocar novamente em catálogo grandes clássicos da literatura, teologia e mística. Dentre os nossos autores estão:

  • Bento XVI

  • G. K. Chesterton

  • Santo Tomás de Aquino

  • São Gregório de Nazianzo

  • São Basílio

  • Monsenhor de Ségur

  • Pe. Paulo Ricardo de Azevedo Júnior

  • Monsenhor Cláudio Sanahuja

  • Pe. Gabriele Amorth

  • Pascal Bernardin

  • Peter Kreeft

  • Dr. Rafael Brodbeck

ONDE COMPRAR:

Mato Grosso:

Cuiabá

Livraria Paulus

R. Antônio Maria Coelho, 180 – Centro
email: cuiaba@paulus.com.br
Fone: (65) 3623-0207

Livraria Vozes

R. Antônio Maria Coelho, 197A – Centro
email: vendas.54@vozes.com.br
Fone: (65) 3623-5307

Modéstia, como as mulheres devem se portar – repost (fonte aulas – site Pe Paulo Ricardo)

Modéstia, como as mulheres devem se portar

 Parte 1

parte1

“A reengenharia social está atingindo também a mulher. Dando a ela uma falsa liberdade e poder, muda a sua natureza e destrói a dignidade que lhe foi conferida pelo próprio Deus. Como resistir a essa investida? Como recuperar a dignidade perdida? Como as roupas e o modo de se portar podem influenciar no posicionamento da mulher diante da sociedade?”

Padre Paulo Ricardo

Parte II

part2